Modders estão sendo presos no Japão?

Recentemente surgiu o assunto de que hackers e modders estão sendo presos no Japão por criar e/ou distribuir mods.


Este vídeo é bom mas eu tenho muitas coisas à acrescentar e corrigir:

É super importante diferenciar o que é modding, hacking e cheating.

Primeiramente, modding e hacking, nestas específicas situações, são essencialmente a mesma coisa — sempre que você faz modding, você faz hacking, e vice versa.

Mas precisamos diferenciar modding/hacking de cheating.

Não podemos colocar modding dentro da mesma caixa do cheating: o modding/hacking é só o caminho para o cheating, isto é, o que importa é o objetivo.

Pessoas no Japão estão realmente sendo presos por cheating, e isto não é uma novidade alguma, encontrei facilmente notícias de 2015.

As matérias abaixo são de alguns meses atrás, e duas de 2012:
Perceba que estes casos são moddings com o objetivo de alterar o funcionamento do console, ou seja, algo completamente diferente de colocar um cavalo no GTA SA.

São modificações de produtos físicos — o termo "modding", lá fora de nossa bolha social, é mais comumente utilizado para ato de modificar coisas físicas, como sistemas, não a modificação nos jogos.

Ou seja, desbloquear um console é considerado um modding, mas isto não tem nada a ver com o modding de softwares, como por exemplo colocar um porco na casa do CJ.

O exemplo de desbloquear um console tem o objetivo de cheating.

Esta é a nova notícia que saiu no início de 2019:
Aqui, o texto do ato, em japonês:
Isto me faz pensar que o Gameplayrj fez esta confusão no vídeo dele. Ele deve ter lido sobre o modding de console e relacionou isto com os mods que nós conhecemos, e não modificações em sistemas de consoles, como as matérias dizem.

É modding de consoles de jogos (Game Consoles) e não jogos de consoles (Console Games).

Tanto que no texto do ato existe um exemplo, e o exemplo é justamente "desbloquear consoles para utilizar jogos piratas". Não há nada estranho em proibir isto.

E o objetivo não é o modding, e sim o cheating. O modding foi só o caminho realizado para chegar ao cheating — este é um detalhe muito importante para ser levado em conta.

Na matéria acima diz que "save editing" (editar jogos salvos) e "console modding" (modificar consoles) são considerados agora ilegais, pois é uma violação do Unfair Competition Prevention (algo como "prevenção de competição injusta"). E de fato, desbloquear consoles é um cheating contra empresas que atrapalha muito nos lucros delas.

Percebe? Nós estamos falando de cheating, não de uma merda voadora.

Mas algo estranho é o "save editing". O que há de errado nisto? Qual foi o objetivo de proibir isto? Pois é possível conseguir itens pagos editando o jogo salvo? Esta é a única explicação que eu vejo para esta proibição, pois lembre-se que tudo tem algum viés lucrativo por trás.

E também temos o caso de vender uma license key. Se você ganhou uma key pra um jogo, você não pode vender (exceto se você tem permissão da empresa do jogo), você é obrigado a ficar com ela — mas pode dar de presente para alguém.

A matéria também cita problemas com o Cyber Gadget, que na verdade é um site hacker que vende cheats, e normalmente por acessórios (como o próprio nome diz, "gadget"). Perceba a relação com o Unfair Competition Prevention? O objetivo desta lei é parar estes casos.

Mas e sobre o modding/hacking de software? Também, cheating.
Estas notícias acima são super antigas, de 2015, mas ilustra bem o problema dos "hackers", que é o software cheating.

Eles foram presos por causa do cheating, o modding/hacking foi só o caminho — você não é preso por dirigir um carro, mas sim por jogar um carro em cima de alguém.



Conclusão

Tudo isto está relacionado com o cheating, principalmente online, e a notícia mais recente foi sobre modificações de consoles de jogos, e não dos jogos de consoles como as pessoas entenderam. Mas também inclui a proibição de venda de keys e acessórios que alteram o jogo salvo.

Modding e hacking são só caminhos, o problema é o objetivo, o cheating (trapacear).

É o mesmo caso do GTA V, que tentou bloquear os mods à todo o custo afim de evitar o cheating multiplayer, no entanto fizeram isto completamente errado e "sem querer" atrapalharam todo o modding.

No entanto tudo o que o Gameplayrj falou sobre a preocupação de que isto pode piorar, eu concordo, isto atrapalha a liberdade das pessoas, e inclusive obriga todas as empresas do país à serem contra isto, mesmo que não queiram.

Qualquer coisa assim cria uma bola de neve agindo contra a nossa liberdade de fazer o que nós queremos. E tais leis podem estar sujeitas às quaisquer interpretações, causando vários outros problemas — por exemplo, não pode vender "modding" para "consoles", mas isto é um modding de console, então a pessoa pode ser presa por fazer isto e vender? Isto atrapalharia o mercado, seria como não poder vender carros que foram tunados. E afinal de contas, só vale caso você vender, ou não?

Eu não estou falando tudo isto para não se preocuparem, mas para deixar claro que não é bem assim como o Gameplayrj falou, e os mods que conhecemos não entram neste caso. Este caso é sobre console modding (principalmente o desbloqueio deles), não sobre game modding, e quase sempre que empresas querem acabar com o game modding, na verdade querem acabar com o cheating, principalmente cheats multiplayers, algo que há certas razões em fazer.

Eu acredito que a maior preocupação que temos que fazer é a tal bola de neve, que a partir destas proibições, mais proibições ridículas sejam feitas, e isto espalhe para os outros países.

Aviso:
Download quebrado?
Precisa atualizar?
Problemas com a postagem?
Indique mods para serem postados aqui (fórum) ou aqui (formulário).
Dê ideias de mods para GTA aqui.
É proibido discutir política, ideologias e religião aqui. Isto é um site de jogos, não facebook.
Seu comentário será aprovado dentro de 1 dia.
Abrir Comentários